Secretaria de Justiça e Cidadania apresenta melhorias nos serviços do Na Hora e realiza ações do Mutirão da Cidadania e Casamento Comunitário

No ano em que é comemorado os 15 anos do Serviço de Atendimento Imediato ao Cidadão – Na Hora, a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) afirma que mais de 30 milhões de pessoas foram atendidas. Criado para ser um centro de atendimento à população concentrando diversos serviços do governo, o Na Hora possui 6 unidades no Distrito Federal: Taguatinga, Ceilândia, Sobradinho, Riacho Fundo I, Gama e Brasília e atende em média 9 mil pessoas por dia.

Melhorias foram anunciadas durante cerimônia de aniversário em julho, com a presença do governador Rodrigo Rollemberg, do secretário de Justiça e Cidadania Arthur Bernardes e Marcelo Herbert, subsecretário de Modernização do Atendimento Imediato ao Cidadão – Na Hora. Uma delas é a instalação de uma nova unidade do Na Hora no Aeroporto Internacional de Brasília – Juscelino Kubitschek, em parceria com a Inframérica, sem custos de locação para o Governo de Brasília.

Outras ações também foram divulgadas, como a parceria com os Correios, que desde o início de setembro oferece diversos serviços nas unidades de Taguatinga e Gama. O cidadão já pode fazer serviços como: abertura de contas no Banco Postal, empréstimos; consulta Serasa; inscrição, alteração e regularização de CPF; postagens de cartas simples, registradas, encomendas via PAC ou Sedex e vários outros serviços. Mais de 600 atendimentos foram realizados nesses 20 dias.

Ainda em setembro, a Secretaria de Justiça e Cidadania firmou acordo de cooperação com o TRE/DF para disponibilização dos serviços eleitorais nas unidades do Na Hora. Nesse segundo semestre de 2017, os cidadãos poderão regularizar, obter título eleitoral e usufruir dos demais serviços do TRE/DF.

“Estamos intensificando o leque de serviços da Secretaria de Justiça e Cidadania com o absoluto objetivo de aproximar ainda mais a relação entre o cidadão e o Estado, simplificando atendimentos com a desburocratização de processos e inclusão de novos órgãos parceiros”, afirma o secretário Arthur Bernardes.

Exemplo dessa aproximação com a população é o Mutirão da Cidadania que já teve duas edições neste ano, sendo programada uma terceira edição provavelmente em área de grande vulnerabilidade social do Distrito Federal.

O Mutirão da Cidadania já aconteceu nas regiões administrativas de Ceilândia, Arapoanga em Planaltina, Fercal e Samambaia. Várias organizações trabalham como apoiadoras do projeto e mobilizou mais de 400 voluntários, beneficiando mais de 12 mil pessoas – sendo aproximadamente 3 mil atendimentos por edição.

iniciativa simplifica o acesso da população à diversos serviços públicos, como por exemplo: consultas médicas, odontológicas, orientações jurídicas e psicológicas, além de lazer e diversão para as crianças. O Mutirão da Cidadania é coordenado pela Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus/DF) em parceria com outros órgãos do governo do Distrito Federal, Governo Federal e apoio da iniciativa privada.

A ação também tem orientação para escovação dentária e saúde bucal, realização de atividades ligadas à inclusão social e digital, exposições, diálogos sobre transtornos psicológicos, prevenção ao uso de drogas, bem como, realização de testes de glicose, medição de pressão arterial, vacinação e cortes de cabelo.

O casamento comunitário é realizado duas vezes ao ano, promovido também pela Secretaria de Justiça e Cidadania, e conta com apoio de empresas da iniciativa privada que oferecem: vestidos, maquiagem, cabeleireiro, transporte em carro executivo e bolos (para os noivos). Desde 2012, já foram oficializadas 1.124 uniões no Distrito Federal.

A proposta do Casamento Comunitário é amparar as famílias e ampliar as garantias dos direitos patrimoniais, sucessórios e previdenciários. A próxima edição será no início de novembro no Centro de Convenções Ulysses Guimarães – Auditório Master. Para facilitar o acesso dos casais no processo seletivo, a Secretaria de Justiça e Cidadania realizou as inscrições nas seis unidades do Na Hora.